transparente
logo Associação    |    Mico-leão-dourado    |    Nossas Ações    |    Divulgação    |    Contato
  METAS E ESTRATÉGIAS >> AGRICULTURA FAMILIAR
Descrição da estratégia
Recuperar áreas degradadas com SAF em propriedades prioritárias para conexão, preferencialmente em áreas de agricultura familiar.

Implantar e apoiar viveiros de mudas nativas da Mata Atlântica nas propriedades de agricultores familiares da região.

Alguns indicadores já alcançados
  • Famílias envolvidas em atividades de capacitação: 60
  • Assentamentos de reforma agrária trabalhados: 3
  • Número de famílias que amentaram a renda com a produção e comercialização dos produtos agroflorestais: 20
  • Área total dos sistemas agroflorestais implantados: 10ha
  • Pontos de comercialização de produtos agroflorestais: 2 feiras implantadas, 1 em Silva Jardim e 1 em Casimiro de Abreu e PENAE (Plano Nacional de Alimentação Escolar)

Desenvolvimento
A AMLD reconhece que a conservação da Mata Atlântica e dos micos- leões- dourados está estreitamente relacionada ao bem estar humano das comunidades locais. Por isso a estratégia de ação da AMLD busca envolver de forma contínua e participativa os produtores rurais dos assentamentos de reforma agrária, envolvendo nas ações de conservação visando o desenvolvimento sustentável. Um setor importante na gestão ambiental adequada na região são as 233 famílias de três assentamentos de reforma agrária existentes na APA da Bacia do rio São João/ Mico-Leão-Dourado e no entorno da Reserva Biológica de Poço das Antas/ ICMBio.

Reconhecendo a necessidade de buscar alternativas econômicas que promovam a melhoria na qualidade de vida e minimizem as pressões sobre os remanescentes florestais, a AMLD criou um Programa de Extensão Ambiental e em parceira com várias instituições: Articulação de Agroecologia do Estado do Rio de Janeiro, ICMBio, EMBRAPA, Consórcio Intermunicipal Lagos São João e as Secretarias de Agricultura e de Meio Ambiente dos municípios de Silva Jardim e Casimiro de Abreu vem trabalhando atualmente com 60 famílias de agricultores dos assentamentos rurais, o que representa 32,7% das famílias assentadas.

Até o ano de 2016, a AMLD pretende atingir a meta de 100% das famílias de agricultores dos assentamentos do entorno da Reserva Biológica de Poço das Antas e a Reserva União, implantando pelo menos uma alternativa de desenvolvimento sustentável do ponto de vista econômico, social e ambiental.

A AMLD trabalha com os produtores rurais dos assentamentos de reforma agrária na região, com ações visando o desenvolvimento sustentável e à promoção do diálogo com as comunidades sobre gestão ambiental, conservação dos recursos naturais e agricultora. As atividades envolvem famílias de três assentamentos na APA da Bacia do Rio São João e localizados no entorno imediato da Rebio de Poço das Antas. Atualmente, a Associação vem trabalhando diretamente com 60 famílias.

A AMLD também apoia o desenvolvimento local através de Projetos de Desenvolvimento Individual, contribuindo tecnicamente para que o agricultor maximize o aproveitamento da produção, diminua a pressão sobre os recursos naturais, tente adequar suas técnicas de produção à prática sustentáveis. Uma das metodologias utilizadas é a elaboração do mapa falado da propriedade, a partir do qual o pequeno agricultor familiar desenvolve seu planejamento local.

Hoje, as comunidades reconhecem a necessidade de adoção de técnicas que possibilitem a diversificação da produção, o incremento na renda familiar e minimizem as pressões sobre os remanescentes florestais. Um dos resultados desse trabalho foi a implantação de sete viveiros de mudas nativas em propriedades rurais em Silva Jardim e Casimiro de Abreu.

Alguns resultados esperados
  • Agricultores familiares capacitados para implantar sistemas agroflorestais
  • Viveiristas, grandes e pequenos produtores, organizados, produzindo e comercializando espécies nativas para a restauração da Mata Atlântica na região
  • Agricultores familiares evolvidos em atividades de recuperação de áreas degradadas por meio de sistemas agroflorestais

Notícias relacionadas
08/04
2015
1º Encontro Agropecuário & Meio Ambiente em Silva Jardim
16/04
2015
Encontro agropecuário é um sucesso em Silva Jardim
09/05
2015
Oficina de horta-floresta com os moradores do distrito de Patis
15/06
2016
Agrofloresta e Mico-Leão-Dourado: o que uma coisa tem a ver com a outra?
30/11
2016
AMLD realizada capacitação técnica com viveiristas e agricultores familiares
01/02
2017
2017 começou com novidades no Programa de Restauração Florestal

Parceiros que contribuem para esta estratégia

img img img
Manejo da População
Áreas Protegidas
Agricultura Familiar
Rede de Viveiros   
Viveiro Acácia e Vitória Régia   
Viveiro Marlene   
Viveiro Eukanam   
Viveiro Horto A2   
Viveiro Tropical Amizade   
Restauração Florestal
Educação Ambiental
Infraestruturas Lineares
Planejamento Territorial
Comunicação e Marketing
Turismo Sustentável
Fortalecimento Institucional


Rio +20 Rio +20

Seminario Agricultura Familiar e Meio Ambiente Seminario Agricultura Familiar e Meio Ambiente

Seminario Agricultura Familiar e Meio Ambiente Seminario Agricultura Familiar e Meio Ambiente

Parceiros que financiam o trabalho da AMLD
img img img img img
Associação
Histórico
Missão
Metas e Estratégias
Conselho Deliberativo
Equipe Técnica
Sócios
Prêmios e Homenagens
Amigos do Mico
Micolojinha
Na Trilha do Mico
Mico-leão-dourado
As Quatro Espécies
Ficha do Bicho
Ecologia e Comportamento
Genética
A Mata Atlântica e o Habitat
Espécies Invasoras
Divulgação
Notícias
Vídeos

Fale Conosco
Contato

55 (22) 2778-2025
55 (22) 2778-1580
Metas e Estratégias
Manejo da População
Áreas Protegidas
Agricultura Familiar
Restauração Florestal
Educação Ambiental
Infraestruturas Lineares
Planejamento Territorial
Comunicação e Marketing
Turismo Sustentável
Fortalecimento Institucional
Facebook
Youtube
Instagram
Webmail